10 de setembro de 2010

Almôndegas

Estou a falar com a Sofia ao telemóvel, mas como tinha isto aberto apeteceu-me escrever uma merda sem jeito nenhum.
Vaiam ver ao youtube o KennyStones vídeo: Mudasti no dicionário, é winduh.jinhuh
Perdão às pessoas que estão na minha turma, mas é uma bela merda, não gosto nada. Às pessoas que já estavam, estão bem, não se mexam mais.
A Sofia deviam criar um Tambor (Tumblr) mas é croma e nem no seu blog fantástico escreve.
Estou a arrumar livros e coisinhas de quando andava no sexto ano. Fez-me lembrar os meus momentos infantis. Agora tenho que ir limpar o pó à sala, se não, a minha mãe não me deixa ir logo à noite ao karaoke.
Tenho aqui um mata-moscas ao lado que é para matar a Sofia se começar a ficar chata.
São 14.57h e a Sofia ainda não almoçou, vai agora ver ao frigorífico. Só que o frigorífico não tem nada...para a Sofia almoçar. Vai ser atum, como sempre, porque a Sofia corta-se sempre quando faz arroz e tem preguiça de fazer o almoço. Então come sempre atum.
O meu almoço foi almôndegas, por isso o título do post.
Odeio textos grandes e a maior parte das vezes não os leio.
A Sofia manda um beijinho e eu digo para virem cá mais vezes.

kiss kiss ♔

Sem comentários: